Primeira estação de Metrô com energia solar da América Latina será construída no Distrito Federal

i500076[1]

A primeira estação metroviária com energia solar da América Latina será construída em Ceilândia, no Distrito Federal, em uma parceria da Companhia do Metropolitano (Metrô-DF) com uma empresa chinesa. Trata-se da estação Guariroba, que terá placas fotovoltaicas para converter a luz solar em energia elétrica para consumo no local.

O projeto integra o Programa Metrô Sustentável, elaborado de acordo com diretrizes dos governos federal e estadual para a execução de ações e projetos com viés sustentável. Segundo o presidente do Metrô-DF, Marcelo Dourado, a estatal planeja ampliar o projeto para as outras 23 estações metroviárias da capital federal.

Pela proposta, a energia captada servirá para abastecer a plataforma da estação Guariroba e bilheterias e o que sobrar será vendido à Companhia Energética de Brasília (CEB).

Ainda como medida de sustentabilidade, o Metrô estuda a utilização da água da chuva para a lavagem dos trens. A empresa dará início a um projeto para recolher a água do telhado do pátio de manutenção dos trens e disponibilizá-la para o reuso.

Fonte: Infraestrutura Urbana